Postagens

Mostrando postagens de Outubro, 2015

Poema "Asas do tempo" na Antologia Poética Além da Terra, Além do Céu, da Chiado Editora

Imagem
O lançamento da Antologia Paulista de Poesia Contemporânea ocorrerá no dia 14 de novembro, sábado, das 16h às 19h, no Quintal do Espeto, Vila Madalena/São Paulo. Meu poema "Asas do tempo" é um dos selecionados pelo antólogo Gonçalo Martins para compor a obra da Chiado Editora.

Partir ou ficar?

Talvez seja mesmo a hora de partir.
De ir para algum lugar diferente, recomeçar.
Deixar para trás velhas expectativas,
utopias, sonhos que nunca irão se realizar.
Talvez seja hora de seguri por outros caminhos.
Escrever novos capítulos, ser protagonista
da mnha história, da minha vida.

Às vezes o que resta é saudade

Era um tempo bom.
Tínhamos nos pequenos olhos
a alegria das chegadas.
A cada manhã, um novo dia.
Leve, único, eterno.
Mas a vida também é feita de partidas.
E foram tantos olhos molhados.
E tantos corações partidos
por adeuses tão doloridos...
Aprendemos: viver é movimento,
passar é preciso
e ninguém está isento disto.

Para sempre

Até hoje, quando olho sua  fotografia, o meu corpo inteiro arrepia. lembranças do intenso amor  que, juntos, vivemos um dia. E será assim, acredite: em cada vida que eu tiver a chance de viver, vou amar você. Sempre com a mesma intensidade.  como se fosse uma eterna primeira vez.

Tempo

O amanhã me é incerto
e o ontem já não me pertente.
O agora é tudo o que tenho.
É a mnha dádiva,
o meu presente.