Ah, o mundo

O mundo é um lugar hostil.
É isso que sempre se viu.
Olhe ao redor, repare, perceba:
tanta soberba, tanta guerra,
tanta tristeza. Mas não...
Não vou desistir da vida.
Sei que também existe amor
e outras tantas coisas lindas.
verdadeiras poesias
que não precisam ser escritas -
apenas sentidas.
Vividas.

Comentários

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Maria e José

É preciso insistir - sempre

Adeus, João de Deus