Versos tortos

Perdoe-me 
Por estes poucos versos tortos.
Perdi meu eu lírico.
Desencantado com a vida, 
Escapou pela janela da alma.
Deixou-me aqui 
Neste mundo cheio de gente -
E tão vazio.

Comentários

  1. Vi seu eu lírico
    Em muitos poemas bonitos.
    Acho que às vezes o eu lírico se esconde.
    Mas escapar e perder-se - nunca.

    Beijo.

    ResponderExcluir
  2. Em cada espelho a cada dia uma feição
    Da em cada um de solitários multidão
    GK

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Maria e José

É preciso insistir - sempre

Adeus, João de Deus